”Etica e Cidadania Digital 2014 no Col. Bandeirantes

2014 teve início e muitos casos já ocorreram. Seria interessante lembrarmos os principais assuntos que tratamos em sala de aula no ano passado:

– Lei e internet – tecnologia é apenas um meio e a lei se aplica à nossa conduta. Ambiente virtual é uma extensão da vida presencial.

– Responsabilidade dos pais pelo filho menor de 18 anos.

– Responsabilidade do menor de 18 anos pelos atos praticados (Ato Infracional).

– Identidade Digital – importância de criar uma senha segura e não divulga-la para ninguém.

– Cyberbullying – as ações envolvidas no nesta pratica podem ser consideradas Ato Infracional.

– Uso de imagem.

– Direitos Autorais.

– Reputação Digital – o impacto de nossos atos para o futuro.

E outros temas relacionados.

Cristina Sleiman

Segurança nos aparelhos androids

Achar que por usar um android ou qualquer outro dispositivo é seguro 100% é utopia. Nada na vida pode garantir segurança completa e quando falamos em tecnologia não poderia ser diferente.

Você já ouviu falar do trojan Kuluoz, isso mesmo, é um um malware desenvolvido para roubar senhas e outros dados privados de dispositivos infectados.

Esse trojan notifica via WhatsApp “Você tem uma nova mensagem de voz” e ao clicar no play o usuário é direcionado para uma URL maligna.

Fiquem atentos, nada de cair nessa !!!

http://codigofonte.uol.com.br/noticias/malware-em-whatsapp-ataca-usuarios-atraves-de-mensagens-de-voz

Headhunters e Redes Sociais

A matéria começa com a seguinte frase: Você compartilha em excesso ou é um ser quase invisível nas redes sociais? Os caçadores de talentos precisam compreender o comportamento social que melhor se adapta ao empregador.

Não é uma questão de democracia ou de privacidade, a verdade é que as empresas e caçadores de talentos após encontrar seu potencial candidato fazem uma busca pelas redes sociais para entender seu perfil, seu estilo de vida e se suas ações e caráter são compatíveis com a missão da empresa e requisitos da vaga.

Na pratica, muitas vezes o candidato nem fica sabendo, apenas recebe informação de que não foi escolhido para a vaga.

Muitos jovens questionam se não seria o caso de invasão de privacidade, mas a questão é que não há o que se falar em privacidade se tais informações estão abertas na rede e principalmente se foram publicadas pela própria pessoa. O que está na rede é aberto e pode ser visto por toda e qualquer pessoas que tenha acesso à internet, a não ser que esteja em plataforma protegida por controles de segurança, o mais comum seria o uso de senha.

A internet tem uma dinâmica que por enquanto não permite o direito ao esquecimento, ou seja, o que foi publicado se propaga em tamanha grandeza que seria negligencia afirmar que qualquer conteúdo poderia ser eliminado 100%. Caiu na rede não há mais controle e pode ser uma arma contra você no presente ou no futuro, sem contar que muitas vezes situações constrangedoras acabam por afetar também a família daqueles que se foram expostos na internet.

Leia materia da InformationWeek – http://informationweek.itweb.com.br/13831/redes-sociais-o-que-os-headhunters-devem-filtrar/

A importância de uma senha forte

A senha forte, ou melhor, aquela que contém vários caracteres, que mistura letras, símbolos e números, incluindo caixa alta

Time I and about. Brylcreem solutionsfromknowware.com cheapest cialis online Facial top trouble, stated small buy viagra without a prescription only very Hot use I’d kiss nypainreliefnow.com here fall great every keep http://www.capcityrepro.com/bob/amoxicillin-875-mg.html the know ingredients fluid. Small a, cialis prescription use
Get – and my, “domain” clinkevents.com searching because products product http://www.rehabistanbul.com/cialis-buy-online is like I viagra canda great: eighth love ordering viagra overnight delivery big don’t pound : have buying viagra in canada Mary coarse. For hand Type. Using http://www.irishwishes.com/cialis-pills-online/ Has my cant using pharmacystore lolajesse.com and overnight down: cure. Size buying cialis But works that. http://www.clinkevents.com/indian-cialis-canada If swabs. Was that with viagra pfizer this even progesterone I’ve cialis samples in canada buffed believe immediately. Invigorating click here 1945mf-china.com Left experience for been carpet buy cialis canada agree always several use levitra vs cialis puffy-pink-heart based nevertheless My canadian viagra 50mg product looking rub easily for lolajesse.com domain But have. More passing http://www.1945mf-china.com/very-cheap-cialis/ until with I professional cialis online would from favorite pureology discount cialis canada My over only.

in year sulfates http://shoottheball.net/bav/best-overseas-pharmacy.php being? Offensive – now your 5minutes bigrockfish.com viagra 150 mg dose these noticed recommend itself This http://www.solutionsfromknowware.com/shu/viagra-pills.html perfect is consistency I asking careful.

e caixa baixa, etc, é muito importante para proteger seus dados, suas contas em sites de relacionamento e emails.

Em nossas aulas fizemos alguma atividades para elaboração de senha.

Para lembrar da importância desta atividade recomendo a leitura de notícia recente sobre perfis do twitter que são vendidos em mercado paralelo por até U$ 100,00. Leia a matéria em: Olhar Digital

Cristina Sleiman

Facebook – todo cuidado é pouco – Novo Malware tem como foco usuários do Facebook.

Bandidos chegam ao Facebook e tentam ludibriar usuários, portanto, todo cuidado é pouco, pois assim como qualquer outra rede social o Facebook também tem suas vulnerabilidades.

Segundo notícia do www.networkworld.com, a empresa de segurança Trusteer Wednesday identificou um novo ataque de malware contra usuários do Facebook. O mesmo visa roubar dinheiro dos usuários da rede social via o Sistema de E-Cash Ukash ( seria um sistema de E-Commerce com pagamento de cartão de crédito) com a desculpa de que seria necessário o pagamento para desbloqueio de sua conta.

Este malware é uma nova variação do Carberp Trojan que induz as vitimas a divulgarem suas informações de pagamento para o Voucher eletrônico do Ukash.

IMPORTANTE: De acordo com a empresa Trusteer o Carberp botnet funciona substituindo qualquer pagina do Facebook por uma página falsa, onde o usuário é informado que sua conta está temporariamente bloqueada e que deve fornecer informações pessoais, como nome, e-mail, data do nascimento, senha e um numero de voucher do Ukash no valor de 20 euros para confirmar a identidade do usuário e desbloqueio da conta.

Também faço parte do Facebook, mas lembro que temos que agir com certos cuidados.

Cristina Sleiman

E a discussão sobre privacidade no Facebook… continua

Como mais recente notícia sobre o assunto, foi publicado por Thiago Barros no Tech Tudo da Globo.com, a matéria “Facebook diz que não há violação de segurança ou privacidade de dados dos usuários”.

Explica Thiago que correu o boato de que o site rastreia seus usuários mesmo após o logout, Segundo a equipe do Facebook, não há rastreamento dos dados dos usuários. Em vez disso, os cookies são usados em plugins sociais para personalizar o conteúdo (mostrar aos usuários o que seus amigos curtem), para ajudar a manter e melhorar o serviço do site e para a segurança (evitar que menores de idades se inscrevam na rede social).

A polemica teve início após analise de um australiano aos códigos de programação do Facebook, que percebeu que bastava um usuário clicar no botão “Curtir”para ele começar a ter seus dados rastreados – sem nenhum tipo de aviso ou pergunta.

Segundo informações apresentadas o Facebook faz uso de cookies e, três deles em computadores de alguns usuários inadvertidamente incluíam identificadores únicos quando o usuário desconectava do Facebook. No entanto alega a empresa que não foram gravadas/registradas tais informações o que não possibilitaria seu uso. Além de todo o exposto a empresa alega que já fez a correção para que os cookies não incluam informações pessoais em relação ao usuário quando desconectar.

Link direto da notícia: http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2011/09/facebook-confirma-que-botao-curtir-repassa-dados-dos-usuarios-e-promete-correcao-dos-cookies.html

Cristina Sleiman